Bem Vindo!

Templários - Sua Origem Mística

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em estoque

R$35,00
Templários - Sua Origem Mística está disponível apenas em quantidades multiplas de 1
Templários - Sua Origem Mística

Detalhes

Autor(es): David Caparelli, Pier Campadello 

Páginas: 240

Descrição

Descrição: Em toda a história da cristandade nenhuma ordem militar-religiosa teve tanto poder e fama quanto os Templários. Eles eram respeitados até por seus inimigos, inclusive o grande Saladino. Por outro lado, eles acumularam terras e riquezas. Tudo isso atraiu a cobiça e a inveja de Felipe, o Belo. O rei plantajeneta faz subir ao papado Clemente V, com a condição de ele destruir os Templários, os quais estavam acima do poder de um rei, sujeitos apenas ao papa.

Release: O caminho à Terra Santa era uma peregrinação quase obrigatória a todo bom cristão. Mas o caminho era longo e repleto de perigos. Por isso, um nobre francês chamado Hugues de Pains e alguns cavaleiros ofereceram-se para proteger os peregrinos na Terra Santa. Por causa disso, eles ganharam do Rei Balduino um terreno nas proximidades do Templo de Salomão. Em virtude dessa proximidade eles recebem o nome de Templários. A Ordem dos Templários no Oriente (Ásia Menor) ficou organizada para a luta e enfrentamentos bélicos, completamente oposta à sua organização no Ocidente (países europeus) com características mais eclesiásticas, feita exceção à região da península Ibérica (que possuía características de milícia, devido às constantes lutas com os mouros, invasores da região), tornando-se necessário que a Ordem defendesse os reinos cristãos contra a tendência expansiva do povo do Islã nessa região. Você sabe o que significa Baphometh? De forma mais ampla, o Baphometh representa a Natureza Inteira, Viva e Criadora, que se expressa por meio da Sabedoria do Espírito Santo, e que os Druidas chamavam de Grande Fauno (Sagitário), PÃ ou PAM, origem do Panteísmo Natural, mas que, para o credo dos Templários, era considerado como Mono-Panteísmo: um Deus sobre vários Deuses. Contudo, existem muitas outras interpretações do significado da palavra Baphometh. De qualquer modo, é deveras interessante frisar que, em nenhuma Comendadoria da França, foi encontrada a tão citada Cabeça Baphometh (Cristo Cósmico). Assim, esse ídolo preparado, alquimicamente, simboliza os quatro elementos naturais reunidos em conjunto: Ar-Fogo-Água-Terra, aos quatro animais da Esfinge: Homem-Leão-Águia-Touro, sendo que o 5º elemento, ou Éter, como a quintessência que dá à imagem as feições de um Gênio e a qualidade de poder falar em termos oraculares. É, portanto, um Terafim ou imagem-falante, encadeado na matéria especialmente preparada por um gênio da natureza (um elemental aéreo, ou silfo). Em toda a história da cristandade nenhuma ordem militar-religiosa teve tanto poder e fama quanto os Templários. Eles eram respeitados até por seus inimigos, inclusive o grande Saladino. Por outro lado, eles acumularam terras e riquezas. Tudo isso atraiu a cobiça e a inveja de Felipe, o Belo. O rei plantajeneta faz subir ao papado Clemente V, com a condição de ele destruir os Templários, os quais estavam acima do poder de um rei, sujeitos apenas ao papa. Desta forma, foram confiscadas as propriedades e mortos centenas de Templários. Quando o último Grão-mestre Templário morria na fogueira, lançou uma maldição sobre o Papa e Felipe. Ambos, em menos de dois anos, já estavam mortos. E juntamente com Felipe, o Belo, teve fim a dinastia dos plantajenetas. Os Templários atuaram em várias cruzadas e na proteção da Terra Santa. Há até quem diga que a Maçonaria teve origem nos Templários. Uma história intrigante e misteriosa. Vale ler e conferir!

PRAZO DE ENTREGA ATÉ 10 DIAS APÓS CONFIRMAÇÃO DO PAGAMENTO.

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.